Rodovias de Aracruz e Linhares recebem recursos da Fundação Renova

Parte dos recursos resultantes do acordo estabelecido entre a Fundação Renova e o Governo do Espírito Santo será aplicado na melhoria da infraestrutura do Estado, com trechos em obras nos municípios de Aracruz e Linhares, duas das mais importantes cidades litorâneas do Espírito Santo. São mais de 90 quilômetros em intervenções.

Slider

O projeto para as obras de pavimentação da ES-010 entre Regência, em Linhares, e Vila do Riacho, Aracruz, já foi concluído, e as obras serão licitadas ainda neste ano. São 32,6 quilômetros de extensão.

Também serão executadas obras de pavimentação no trecho que se estende de Povoação a Linhares (ES-248). O projeto para a execução das obras foi elaborado pela Prefeitura de Linhares e está em análise pelo Departamento de Edificações e de Rodovias do Espírito Santo (DER-ES), que executará as intervenções. Serão 30 quilômetros de obras, que vão ser licitadas ainda este ano.

Outro investimento será a obra de recuperação/pavimentação do trecho entre Bebedouro, na altura da BR-101, e Fazenda Lagoa Parda (ES-440), em Linhares. A rodovia é de grande importância para o acesso ao litoral do Espírito Santo, com 32 quilômetros. O projeto para as intervenções está sendo elaborado pelo DER-ES.

“São obras que vão facilitar o dia a dia das pessoas e potencializar atividades econômicas do Espírito Santo. A população de Regência terá mais segurança em seus deslocamentos. A atividade turística será beneficiada diretamente com a pavimentação do trecho da ES-010 que dá acesso a Vila do Riacho e Barra do Riacho”, destaca o diretor-presidente do DER-ES, Luiz Cesar Maretto Coura.

Na área da educação, a Sedu receberá R$ 30 milhões para execução de projetos aprovados nos municípios atingidos pelo desastre. Os recursos serão investidos para que os alunos tenham qualidade na infraestrutura das unidades de ensino, quando as atividades pedagógicas passarem a novamente ser presenciais.

O secretário de Estado da Educação, Vitor de Angelo, destacou que o programa de reestruturação e inovação da rede física escolar, realizado pelo Governo do Estado desde o início de 2019, já atingiu a marca de 122 obras concluídas e 87 já estão em andamento. “A atenção está voltada para as escolas públicas da Rede em todo o Estado, contemplando melhorias como reformas e ampliações de escolas e construções de quadras poliesportivas, por exemplo. Mesmo durante essa pandemia, a Sedu continua investindo”, reforçou.

Confira as estradas e rodovias contempladas:

  • Rodovia ES-440: Trecho BR 101-Entroncamento ES-010 (32,20km): Projeto (R$ 1,8 mi), Desapropriações (R$ 33 mi), custo da obra (R$ 110 mi) = R$ 145 milhões
  • Rodovia ES-010: Trecho entroncamento ES-445 (32,6km): Desapropriações (R$ 34,8 mi), custo da obra (R$ 95,5 mi) = R$ 131 milhões
  • Rodovia ES-248: Trecho entroncamento ES-356 (29,81km): Desapropriações (R$ 30 mi) e custo da obra (R$ 61,1 mi) = R$ 91,1 milhões