A tentativa de assalto ocorreu, nessa sexta-feira (18), na agência dos Correios, na Av. João Felipe, no centro de Alto Rio Novo.

Slider

Segundo informações da Polícia Militar, ao chegarem no local eles foram informados de que 3 indivíduos tentaram roubar a agência dos Correios. Na tentativa, efetuaram dois disparos no vigilante e levaram sua arma.

O vigilante baleado ficou com a bala alojada no rosto, mas segundo a equipe médica não corre risco de vida.

Os bandidos estavam num Sedan Logan de cor prata e tomaram o rumo de Pancas. A Polícia Militar, com a ajuda do Helicóptero, montou um cerco aos bandidos.

Quando os bandidos se deparam com a guarnição de Pancas, abriram a porta do carro e dispensaram algo, que logo depois se confirmou como sendo duas armas municiadas.

A viatura conseguiu interceptar os suspeitos, que abandonaram o veículo e fugiram, entrando num matagal na entrada do Córrego São Pedro.

Foi solicitado apoio aéreo e o uso de cães da equipe K9. Após intensas buscas foi abordado, pela guarnição do Posto Rodoviário, nas margens da rodovia, o menor R. O. S., que, segundo a PM, participou do assalto.

As buscas ainda prosseguiram no intuito de capturar os outros dois fugitivos. A polícia recebeu informações de populares, que havia um homem gritando próximo a uma residência no Córrego São Pedro, em Pancas. A PM localizou um homem de camisa preta, gritando pelos moradores da residência, inclusive forçando a porta.

Foi dado voz de abordagem, no que o homem tentou correr e resistiu a abordagem. Depois de controlado e algemado foi identificado como sendo J. K. R. Suas características conferiam com as dos suspeitos do latrocínio.

O suspeito estava com tornozeleira eletrônica coberta com papel alumínio e fita adesiva para não ser rastreado. Segundo levantamento da PM, ele responde pelo crime de roubo aos Correios de Água Doce do Norte, e relatou aos policiais que participou do crime de tentativa de latrocínio nos Correios de Alto Rio Novo em companhia de R. O. S., menor apreendido.

Segundo informações do suspeito, eles estavam na posse de um revólver e uma arma falsa, e que no momento do crime foi subtraído o revólver do segurança da agência dos Correios.

O suspeito informou que o menor foi quem atirou no segurança e que na fuga os autores do crime se separaram e evadiram-se por um cafezal e depois por uma vegetação densa.

O suspeito ainda relatou que durante essa fuga sofreu várias escoriações por todo o corpo, e que permaneceu no mato desde, aproximadamente, 14 h até às 22h30.

O último envolvido no crime foi capturado, na manhã desse sábado (19), por volta da 6h30, pela equipe de Ronda Ostensiva. O indivíduo, identificado com R. C. E. S, de 25 anos, estava no ponto de ônibus, todo sujo, com R$ 150,00 na mão, tentando fugir da cidade, após ter passado a noite escondido no meio do mato.

Ele contou aos policiais que jogo fora, na margem da rodovia, a arma que carregava. A Polícia fez buscas no local mas nada foi encontrado.

Foram apreendidos 01 Revólver Cal. 38, 01 Revólver Cal. 32, 06 munições intactas Cal. 38, 04 munições Cal. 32 sendo 02 deflagradas.

Todos foram conduzidos e apresentados na 15ª Delegacia regional de Colatina.