Preso suspeito de vários furtos em residências na Barra do Sahy em Aracruz

A equipe da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Aracruz elucidou uma série de furtos em residências, ocorridos no mês de novembro, em Barra do Sahy, e prendeu o suspeito em flagrante. O homem, de 20 anos, responde pelo crime de furto qualificado e foi identificado como o autor de cinco crimes cometidos no intervalo de uma semana.

O primeiro furto à residência foi comunicado à Polícia Civil no dia 10 de novembro, com o registro do Boletim de Ocorrência. Outras vítimas registraram Boletins sobre o mesmo crime nos dias 13, 15, 16 e 17 de novembro. Todas as casas invadidas ficam na mesma região.

“Com os registros, a seção de investigação da Deic de Aracruz iniciou levantamentos que indicavam o mesmo modus operandi. Descobrimos que o suspeito vinha agindo na localidade de Barra do Sahy, cometendo essa série de furtos. Aprofundamos as investigações e chegamos à identidade deste indivíduo”, explicou o titular da Deic de Aracruz, delegado Rodrigo Peçanha.

Na noite de 17 de novembro, o suspeito foi visto por populares carregando uma televisão grande, em uma bicicleta, e tentando vendê-la. O fato foi comunicado à Polícia Civil, que empreendeu diligências para localizar o suspeito, juntamente com uma guarnição da Polícia Militar. A equipe localizou o suspeito e, em um local ao lado de sua residência, foram localizados os televisores subtraídos. Ele foi preso em flagrante e confessou a prática dos crimes.

“Esta investigação só foi possível porque as vítimas confiaram no trabalho da polícia e registraram os Boletins de Ocorrência. Por isso, o registro é tão importante. Nós orientamos que as vítimas sempre registrem a ocorrência podendo comparecer pessoalmente à delegacia ou por meio da Delegacia On-line”, disse o delegado.

Os objetos recuperados foram devolvidos à vítima e o detido foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de Aracruz. As investigações prosseguem, com o objetivo de localizar um segundo suspeito envolvido nos crimes. A população pode contribuir de forma anônima através do Disque-Denúncia 181, que também tem um site onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas, o disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações são investigadas.