Linhares anuncia fábrica de válvulas plásticas com a geração de 200 empregos

A Pump vai funcionar no polo moveleiro do Município e vai gerar 200 empregos entre diretos e indiretos

Linhares terá indústria de produção de válvulas de plástico, a Pump do Grupo Dompel. O empreendimento foi anunciado, na tarde desta terça-feira (11), pelo prefeito de Linhares Guerino Zanon junto ao investidor Jobem Donada, pelo gerente industrial da empresa em Linhares, Jean Carlos Schimaniak, e os consultores de projetos Fátima Lubiana e André Lubiana.

Com sede em Caxias do Sul (RS), a Dompel é a maior fabricante de móveis e acessórios para salão de beleza da América Latina.

A expansão dos negócios da Dompel em Linhares tem o objetivo de atender as demandas dos mercados interno e externo, inicialmente o mercado nacional e posteriormente os países da América do Sul.

A Pump produzirá válvulas dos tipos pump, gatilho e porta acetona. Estes produtos são utilizados nos mais variados segmentos como fármacos, beleza e higiene.

O parque fabril da Pump será implantado numa área de 30 mil metros quadrados no polo moveleiro de Linhares, no bairro Canivete, e demandará, inicialmente, investimentos na ordem de R$ 8 milhões, mas a expectativa dos investidores é chegar a R$ 16 milhões conforme a planta industrial se consolidar.

O início das operações está previsto para o segundo semestre deste ano, no mês de agosto. A Pump vai gerar 200 oportunidades de empregos, entre diretos e indiretos e prevê uma produção diária de 200 mil válvulas.

O parque fabril da Pump será implantado no polo moveleiro, no bairro Canivete, e vai demandar investimentos iniciais de R$ 8 milhões.

O empresário e socio do negócio, Jobem Donada, disse que o potencial de Linhares levou a empresa a expandir as suas operações em território nacional, contribuindo com o crescimento da economia capixaba.

“Anunciar um investimento deste porte em um momento de incerteza é declarar o compromisso com o futuro da cidade e do Estado. Precisamos estar mais próximos dos principais centros de negócios do Brasil, e dos clientes, para termos ganhos logísticos e de competitividade, e Linhares nos oferece este cenário”, explica.

A disponibilidade e qualificação da mão-de-obra local também foram especialmente considerados. Jobem Donada destaca a eficiência e interesse do governo municipal para atrair o investimento. “O Município teve um papel fundamental na decisão de vir para Linhares, abrindo portas para uma negociação positiva para a empresa e para a comunidade”, destaca.