Centro de Hemodiálise de Aracruz será apresentado na terça-feira

O Centro de Hemodiálise de Aracruz conta com 15 cadeiras. Serão atendidos, em três turnos, 45 pacientes/dia, com 1014 sessões por mês

O prefeito Jones Cavaglieri, na companhia da Secretária de Saúde (Semsa), Clenir Avanza, receberá os prefeitos Pretinho Nunes (Fundão), Duda Zanotti (Ibiraçu), Dr. Otávio (João Neiva), além dos pacientes que serão assistidos pelo Centro de Hemodiálise, para uma visita de apresentação de toda sua estrutura. A ação acontecerá às 9h da próxima terça-feira (14).

Considerado o mais moderno do estado, com uma excelente estrutura física, o Centro de Hemodiálise de Aracruz conta com 15 cadeiras onde os pacientes ficarão, além de uma sala de urgência e emergência, saídas separadas para pacientes e funcionários, banheiros, salas de repouso, esterilização e a sala da osmose, considerada o pulmão do centro de hemodiálise. Serão atendidos, em três turnos, 45 pacientes/dia, com 1014 sessões por mês.

No último dia 20 de dezembro, o prefeito Jones Cavaglieri assinou o contrato de gestão do Centro de Hemodiálise, entre o Hospital São Camilo, Associação Vidas e Prefeitura de Aracruz. Ele será executado e administrado pela Fundação Hospital Maternidade São Camilo, e fiscalizado e acompanhado pela Secretaria de Saúde da prefeitura de Aracruz.

O presente Contrato de Gestão tem por objetivo a execução e gerenciamento das atividades e serviços de saúde no Centro de Hemodiálise, localizado na unidade de saúde de Guaxindiba, para assistir ao portador de Doença Renal Crônica (DRC) e Doença Renal Aguda (DRA), mediante assistência permanente, de forma ininterrupta de segunda a sábado, inclusive feriados, em regime de rotina, e domingos em casos de atendimento de quadro agudo, e também ter abrangência regional, em função das necessidades de saúde da população.

Prefeito Jones Cavaglieri fala da visita de apresentação de toda estrutura do Centro de Hemodiálise

Aracruz será a primeira cidade brasileira a contar com um Centro de Hemodiálise Municipal
Assim que os serviços entrarem em funcionamento, Aracruz se tornará a primeira cidade em todo o Brasil a contar com um Centro de Hemodiálise Municipal, e que ainda terá ao seu lado, uma farmácia Cidadã Estadual com medicamentos de alto custo, muito deles utilizados pelos pacientes.