Homens invadem apartamento e levam R$ 400 mil de família no Centro de Linhares

Três homens invadiram uma residência, fizeram um empresário e sua família de reféns e levaram cerca de R$ 400 mil em dinheiro vivo, no Centro de Linhares.

O empresário, que tem uma empresa no Mercado Municipal em Linhares, teve o apartamento invadido por criminosos, na manhã desta sexta-feira (30), após o filho dele ter sido rendido na calçada do prédio.

“A campainha do apartamento foi insistentemente acionada durante a madrugada, mas ninguém atendeu. Até achei estranho. Aí, quando fui descer para comprar pão, soube que o filho dele foi rendido e que depois a família toda foi amarrada dentro do apartamento, e uma grande quantia em dinheiro foi roubada”, disse uma vizinha da família.

Segundo informações não confirmadas, no apartamento foram amarrados, além do casal, uma gestante e crianças. O dinheiro estaria debaixo do colchão e os criminosos teriam fugido em um Peugeot.

O delegado de Linhares, Fabrício Lucindo, contou que após o roubo os suspeitos teriam tentado fugir para a Grande Vitória. Os policiais civis acionaram a Polícia Rodoviária Federal (PRF), que fez um cerco e conseguiu prender um dos envolvidos ainda na manhã de sexta-feira (30), na Serra.

“Nós acionamos a PRF e lá na Serra fizeram um cerco e conseguiram deter um dos três envolvidos. Agora faltam os outros dois”, contou o delegado.

A PRF montou um cerco policial próximo ao bairro Taquara, no quilômetro 264 da BR 101, na Serra, para tentar localizar os indivíduos. Durante a ação os policiais deram ordem de parada ao motorista de um Peugeot preto, que estava com outros dois ocupantes e indo em direção a Vitória. O condutor descumpriu a ordem e tentou fugir pelo canteiro central da rodovia.

Ao tentar subir no canteiro, um pneu do veículo estourou. Neste momento, segundo a PRF, os três ocupantes do carro abandonaram o veículo e empreenderam fuga a pé em direção à área mais central do bairro Taquara.

Os policiais conseguiram alcançar um dos suspeitos. Ele foi levado para a Delegacia Regional (DPJ) de Laranjeiras e depois encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) da Serra. Os outros dois envolvidos no crime conseguiram fugir da abordagem policial.

Com o indivíduo foi encontrada uma mochila com R$ 149.850,00 mil, um revólver calibre 38 e seis munições.

O delegado afirmou que não pode repassar muitas informações sobre o caso, para não prejudicar o andamento das investigações.

No entanto, ressaltou que os policiais seguem investigando o crime, em busca dos outros envolvidos no roubo e do restante da quantia levada.

Fonte: A Gazeta