Vários ex-vereadores terão que devolver aos cofres públicos valores recebidos indevidamente durante o que passou a ser chamado de a farra das diárias na Câmara Municipal de Governador Lindenberg.

Slider

A decisão é do TCEES (Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo). Dentre os envolvidos alguns são possíveis pré-candidatos nas próximas eleições.

Dos que terão que ressarcir os cofres públicos por recebimento indevido de diárias em 2010, apenas dois têm mandatos de vereador e vice-prefeita, respectivamente.

Os valores a serem devolvidos se aproximam de R$ 400 mil, sem a devida multa e correção monetária, o que ao serem aplicadas deverão aumentar ainda mais a quantia a ser devolvida.

O Acórdão foi divulgado na Sessão de 25/04/2018, mas até hoje, segundo informações, não houve ressarcimento ao Município.