Cooabriel realiza revisão do planejamento estratégico para os próximos três anos

Traçar metas para o futuro é uma das principais ações de uma empresa que espera prosperar a longo prazo. Com esse objetivo, a Cooabriel reuniu suas equipes em Conceição da Barra de 18 a 20 de novembro. Cerca de 20 profissionais da cooperativa foram preparados para traçar a revisão do Planejamento Estratégico.

“Desenvolvemos bastante a programação e acreditamos que teremos um planejamento completo e feito com bastante critério, seriedade e profissionalismo para elevarmos o nome da cooperativa”, ressaltou o presidente da Cooabriel, Luiz Carlos Bastianello.

Diretores, membros dos conselhos de administração e fiscal e equipe gerencial estiveram presentes. O Planejamento Estratégico é uma das atividades do Programa Parceiros para Excelência (Paex), que a Cooabriel desenvolve com a Fundação Dom Cabral, por meio do apoio da OCB/ES.

“É um momento muito importante, pois fazemos uma revisão dos objetivos estratégicos e traçamos indicadores para o ano seguinte. Planejamos as ações imediatas e também os projetos macro para os próximos anos. Isso proporciona um grande debate capaz de avaliar a realidade atual e identificar ameaças e oportunidades, além de pontos fortes e fracos”, afirmou a coordenadora interna do planejamento estratégico, Tayani Mauri.

Na programação, palestras com temas que debateram a agricultura 4.0: “Ameaças e Alavancas para Disrupção no Agronegócio, com Octaciano Neto, produtor rural e apresentador do podcast 4.0 no Campo; “Agronegócio: Fatos e Tendências”, com Ênio Bergoli, Engenheiro agrônomo, consultor e palestrante sobre o agronegócio, além de “Palestra com o time do Itaú Agronegócios (Diretor, Pedro Fernandes – Cesar de Castro Alves, Consultor – Fernando M. Gonçalves, líder do time pesquisa). Também houve apresentação de case de sucesso da Cooperativa Lar, com seu vice-presidente, Lauro Soethe.

“As palestras foram maravilhosas. Foi possível aprender muitas coisas e garantir o embasamento para o alinhamento de nossos processos. Com o planejamento saberemos as ações que deverão ser tomadas nos próximos anos”, disse a Controller”, Florisbela Buss.

A iniciativa é uma parte do processo de revisão do planejamento estratégico. “A ação final é a construção dos planos e da nova identidade da cooperativa. Em uma segunda etapa virão os desdobramentos com os setores para a realização dos projetos”, afirmou o Gerente Corporativo Administrativo Financeiro da cooperativa, Samuel Lopes Fontes.