BSF tem 8 mortes em 3 dias. Comércio será parcialmente reaberto nessa segunda (29)

O município de Barra de São Francisco registrou oito óbitos por covid-19 em três dias. O Hospital Dr. Alceu Melgaço Filho tem registrado 100% de ocupação nos leitos de UTI. Fotos que circularam em grupos de WhatsApp e redes sociais mostram veículos funerários, em fila, esperando para seguirem para os enterros.

O dono de uma das funerária mais antiga da cidade, Hélio Rodrigues, disse que nunca havia visto uma cena como aquela. Ele disse que está assustado com toda a situação na pandemia. “Em 48 anos, nunca vi isso. A maioria das pessoas que está morrendo não é da cidade, veio de fora. A gente está assustada com tudo isso. Ninguém esperava uma situação dessas. Tá difícil até pra quem toma todos os cuidados”.

Quem trabalha próximo ao hospital diz ver a cena se repetir todos os dias. “Eu tenho um mercado em frente ao hospital e a gente vê direto os carros esperando os corpos aqui. Tem dia que é pior, igual ontem. Tá tudo mundo assustado”, contou a comerciante Ana Cristina Vilela.

Decreto determina reabertura parcial do comércio

Após reunião, que aconteceu às 16h deste domingo (28), na Câmara Municipal, o prefeito Enivaldo dos Anjos autorizou a abertura parcial do comércio de Barra de São Francisco nesta segunda (29). Postos de combustíveis, farmácias, supermercados, oficinas mecânica e borracharias poderão funcionar seguindo rigorosamente todas as medidas de segurança estabelecidas desde o início da pandemia, como o uso de máscara, álcool 70% e distanciamento social.

A autorização dada neste domingo trouxe outras regras. No caso dos postos de combustíveis só podem funcionar as bombas. Escritório e conveniência permanecem com o funcionamento suspenso.

O estabelecimento que for flagrado com funcionário sem máscara, recebendo clientes sem máscara e/ou permitindo aglomeração será multado. A exigência da disponibilidade de álcool 70% para clientes e funcionários e demarcação no piso em caso de necessidade de espera (caixas, açougues – entre outros) permanece.

Através de decreto disponibilizado no dia 23/03, o prefeito Enivaldo dos Anjos decidiu pela suspenção total das atividades comerciais na cidade a partir de 24/03, além de toque de recolher das 20h às 6h, depois que o Laboratório Central (LACEN) constatou através de estudos a circulação da variante inglesa do coronavírus B117 no município. A nova variante é responsável pelo aumento no número de casos e rapidez em novas transmissões, sobretudo entre pessoas mais jovens.

De acordo com o boletim informativo atualizado do coronavírus em Barra de São Francisco, o município possui 451 casos ativos da doença e registra 99 óbitos.

Fonte: UOL